quinta-feira, setembro 29, 2011

Blogagem Coletiva - Há amor em mim



Há amor em mim ... há amor em nós ... que se expande e extrapola sem  ao menos dar-nos  conta porque em nós há a centelha divina que nos tornou amor concreto. Somos todos  amor concreto tornado visível. "Eu te chamo pelo nome, és meu!" (Isaías 43, 1) "És precioso para mim e eu te amo." (Isaías 43, 4)
Baseando-me nessa canção, ouso agora falar desse amor:
 "Prova de amor maior não há, que doar a vida pelo irmão. Agora vai também ama o seu irmão". É um lindo refrão e me instiga a exercitar continuamente para eu ser melhor a cada dia e acreditem, exercito muito mais depois de estar na blogosfera pela infinidade de provas, gestos  e atitudes de amor que tenho visto. E olhe, os blogs sinalizam quando algo é verdadeiro e sai do coração...
É desse amor aqui na blogosfera que eu tenho observado e refletido que   fui impelida a falar. Muito tenho aprendido  sobre o amor doação que se espalha por aqui e tem-me servido de lição porque se tornaram caminhos para eu pisar firme nesse chão chamado VIDA.
 Me ensinaram e estou tentando colocar em prática que  ser presente, não só uma seguidora ou algo mecânico, e levar  um carinho sincero, simples, faz  saltar aos olhos e  alegra o coração de quem  o recebe, sendo talvez o único carinho recebido de quem vive numa casa cheia ou vive só.
Me ensinaram a acolher com amor pessoas de diferentes credos do que eu  professo e que é o amor que conta nessa ampla diversidade, assim como Cristo o fazia e pede e quer que  façamos, o acolher com amor, sim!
Me ensinaram que enfrentar uma blogosfera inteira se doando, se gastando para passar gratuitamente esse conhecimento, sem muitas vezes até, ganhar um obrigado sincero é amor verdadeiro sim, é doação sim. Haja visto, ter o nome espalhado por tantos e tantos blogues a dizerem da ajuda de salvamento que ela escancarou para todos e do qual eu também fiz minha filha dele se apropriar para limpar meu blog.
Obrigada, Elaine Gaspareto!  E nesse momento "tiro o meu chapéu" para você  e exalto essa sua maneira de espalhar amor, esse amor doação, que se reflete em  amor ajuda porque há muito carinho e delicadeza em tudo o que você escreve, ensinando ou não e que para comemorar os três anos de seu blog, nos permitiu a festejar contigo. Quero nessa oportunida reforçar o meu obrigada e a lhe dizer que você continua sendo aquele jato enorme prateado a cortar o céu do meu quintal. Que seu blog, continue a refletir esse amor doação em todos os sentidos e que você pode mudar o nome dele com tranquilidade para o "Tudo de Mim" Eu lhe tenho muita admiração, muito carinho, mesmo não comentando em seu blog. Obrigada a todos também que muito  me ensinam sobre o amor. Tenho muito que aprender, muito a expandir para extrapolar meus limites.

quarta-feira, setembro 28, 2011

REUTILIZANDO PARA ORGANIZAR

Velho cabide. Pendurado, sem uso.  Eu já estava cansada e com dó de vê-lo pendurado no varal da lavanderia e empoeirado. Pronto!!! Aqui está ele no meu quarto, todo bonitão e servindo para organizar os colares!



Abaixo fica o cabide que virou meu organizador de bolsas.



Essa parede é aquela que fica atrás da porta. Lá era lugar que eu colava os bilhetinhos da minha neta. Deixei só esse que ela fez em 1909, quando passava férias em São Paulo, na casa de minha filha. Ganhou cantoneirinhas para ficar colado e uma borboletinha.



Cestinha quebrada? Não foi para o lixo, não! 
Ganhou uma pinturinha e foi para a parede para amparar  vasinho com mudinhas de suculentas que serão transplantadas, no futuro.


Eu gostei da composição nessa parede que fica no corredor que condduz  ao quintal!



Eu fico muito feliz quando  eu posso  reutilizar algum objeto.
Só peço a Deus para não me transformar em uma acumuladora!

segunda-feira, setembro 26, 2011

Sempre no meu coração - IV

Deve ter sido por causa desse presente que meu pai deu para minha mãe  que herdei dele o gosto por corações.



Nele agora tem as fotos do Tony e minha.




Na minha bolsa eu amarrei um  coração!



E pedindo a proteção de minha Mãe!


Na fronha, pintados por mim e que foram feitas pela minha mãe e que eram da lateral de um lençol que era de meu enxoval. Antigo o pano , Não?





                            
A aliança do Tony, que ficara pequena virou um pingente.




Rsrsrs, já ri de manhã ao calçar as meias com o frio que está aqui hoje! Tem coração!

Nos brinquinhos que ficam no perfume que ganhei da Raïssa.




E pasmem!!!
Fui pegar batatas hoje e eis que surge um coração de batata!


Acreditem, não é truque eu estou pasma!
Nem fui eu que a encontrei,
mas sim, foi Raïssa que fez a compra dela e também nem percebeu.
Tanto que por causa dela fiz esse post!


Não vai parar por aqui a minha série: "Sempre no meu coração"!
Beijos a todos, na esperança de que o Blogger nada mais nos apronte!

quinta-feira, setembro 22, 2011

MINHAS FLORES PARA TE SAUDAR

Flores na calçada da minha querida vizinha Iraídes Belan

Viver é a coisa mais rara do mundo.
A maioria das pessoas apenas existe. (Oscar Wilde)

As perguntas não são nunca indiscretas.
As respostas, às vezes sim. (Oscar Wilde)

Flores do meu vaso

Do sublime ao ridículo não há mais que um passo. (Napoleon)

Na vida não há prêmios nem castigos.
Somente consequências. ( Ingersoll)


Flores na varanda

Se fores paciente em um momento de raiva, escaparás de cem dias de tristezas. (Provérbio)

Seja leal para consigo mesmo.
Não altere o seu comportamento apenas para contentar os outros. (Yogaswami)


No baú, kalanchoê que minha amiga Regina Murbach me trouxe ontem

Devíamos usar o passado como trampolim e não como sofá. (Harold MacMillan)

Lamentar o passado é correr atrás do vento. (Provérbio)



Minhas lindas tulipas que estão em Nova Zelândia que Lucinha me ofertou.

Fuja do elogio, mas tente merecê-lo. (Francois Fenélon)

Quem não compreende um olhar
tão pouco compreenderá uma longa explicação. (Mário Quintana)

Meu vaso de tinhorão viceja cada dia mais.

Se alguém me ofender, procurarei elevar tão alto a minha alma
para que a ofensa não me chegue.
(Charles Dickens)

As coisas que queremos e parecem impossíveis só podem ser conseguidas com uma teimosia pacífica.
(Mahatma Gandhi)


Meu São Francisco, com os lírios que perfumaram minha casa, eu os oferto a todos que aqui chegarem.
Ao sentirem o perfume, sintam-se inundados de Paz e Bem, como ele cumprimentava a todos.

terça-feira, setembro 20, 2011

O LIXO QUE VIROU PRESENTE

É isso mesmo! Achei mais duas portinhas de estantes, em cerejeira, empilhadas ao lado de uma lixeira, no quarteirão abaixo de minha casa.
Enquanto esperava surgir na minha mente o que fazer com elas, eis que veio a idéia de presenteá-la para minha vizinha muito querida, minha companheira de grupo, de igreja, que quebra meus galhos nos consertos de costura, nas barras de jeans que ela vive fazendo e que aniversaria hoje.
Pronto! Imediatamente  a idéia veio em profusão. Fazê-la diferente da minha. Lavei, pintei de branco e colei tecido na borda.


Olha que gracinha de tecido. A minha idéia foi usá-la na horizontal para colocar um enfeite de 3 galinhas d'angola e ganchinhos, para ela por na cozinha. Por incrível que pareça, esses enfeites sumiram das lojas. Não os achei mais.
Então.... voltei á idéia de colacar um vaso para plantas e para meu horror achei esse único com um defeito na frente e para orquídeas. Não pode ser vaso grande e pesado, pois o objetivo é que apareça a treliça da portinha e que um prego aguente.


Sem opção, forrei-o com tecido, para cobrir os buracos e ei-lo:




E não encerrou não!
Ela costura para mim e eu costurei para ela corações de amizade e de carinho!



Está aí,  pronto para ser embalado. Mais um close nos corações.


 Lurdes Bonvechio Claus, é a minha homenageada. Vizinha generosa que hoje aniversaria e para a qual eu peço todas as bençãos de Deus sobre ela e sua família. Que Deus a contemple com muita saúde e paz! 

sábado, setembro 17, 2011

SAUDANDO A PRIMAVERA

Um Ipê Amarelo foi cortado e seu tronco

foi transformado em um poste.

Após o poste ser fincado na rua,

foram instalados os fios da rede elétrica.

Eis que a árvore se rebela contra a maldade

humana e resolve não morrer.

Mas a reação foi pacífica, bela e cheia de amor.

Rebrotou e encheu-se de flores.

Assim é a natureza...vencedora !

Porto Velho - Rondônia - Brasil




Recebi de e-mail como cartão de Natal ano passado

Se é verdade, sei não!

Se é montagem, sei não!

Se é daquelas fotos extraordinárias
que tudo depende do ângulo de como a gente as vê, sei não!
Eu só sei que nesse momento uma coisa só perpassa o meu coração:
quando formos podados em todas as circunstâncias da vida,
que possamos reagir   pacificamente com amor e com beleza.

Que possamos rebrotar e nos encher de vida novamente e com todo o vigor que merecemos!

Feliz estação da primavera para todos!!!



quinta-feira, setembro 15, 2011

BLOGAGEM COLETIVA



PROJETO

Álvaro Moreira


Quando eu morrer, com certeza vou pro céu.
O céu é uma cidade de férias, férias boas que não acabam mais.  Assim que eu chegar, pergunto onde mora lá minha gente que foi na frente. Dou beijos, dou abraços. Converso. Conto coisas do mundo. Saudades. __ E depois? __ Depois eu quero ir à casa de São Francisco de Assis, para ficar amigo dele, amigo de verdade, sem segredos, sem falar mal um do outro,, amigo de todos os dias, amigo mesmo, tão, tão íntimo, que ele há de me chamar: Alvinho! e eu hei de lhe chamar:Chiquinho!
(ALVARO MOREIRA In "As Amargas, Não", Rio de janeiro, Ed. Lux, 1954,pp.90)

Minhas queridas amigas: Rosélia, Gina e Rute,  que tão brilhantemente engendraram e conduziram essa blogagem tão memorável, cheia de prazeres e recordações, guardadas há tempos lá no meu sótão e que precisando, bastou espiá-las, cobertas de pó, chacoalhá-las e estendê-las  no varal da mémoria, tomarem um solzinho e de imediato ficarem  novinhas para, mês a mês, com tanta alegria, expô-las chegando a esse dia: Morte.  Eu relutei muito, tanto que não consegui ontem e acreditem não consigo trabalhar esse assunto com serenidade e aceitação plena. Certamente não há o "THE END", mas é uma situação real e normalíssima, que eu só temo pela IMENSA dor que ela nos traz e que eu sinto na pele.
Não sou rebelde, pois minha espiritualidade que amadurece e se enriquece cada dia mais, e pelo credo que eu professo a minha fé, faz-me aceitar as perdas que sofri de minha mãe, de meu Tony e dos amigos que me rodeavam  e que se foram ano passado e nesse e ainda há poucos dias, do padre de minha paróquia, a quem eu nutria grande afeição e respeito.

Sou muito grata, imensamente grata ao meu Deus amado e adorado
por ter me permitido nascer e viver neste planeta.

Sou imensamente grata ao meu Deus por vocês três,
lindas meninas  que eu conheci: Rosélia, Gina e Rute por essa empreitada que tanto bem me trouxe.

Obrigada a todos que participaram dessa blogagem tão rica,
com histórias tão bonitas que muito me acrescentaram.

Obrigada também aos que só visitaram e aos que visitando,
deixaram lindos comentários

Acreditem: foi um livro inesquecível que li: "Fases da Vida" 

Beijos!!!

segunda-feira, setembro 12, 2011

TEMPERE A VIDA

A poucos passos de minha casa, no quarteirão de cima, existe essa touceira.. E adivinhe ... de alfavaca.
Gloriosa, farta carregadinha de flores e cheinha de abelhas que zunem atordoadas com tanto polém a carregar. Estava quase impossível chegar bem próximo, pois elas esvoaçavam demais em grande número me deixando receosa de levar algumas picadas. Pena que não consegui fotografá-las, aparecendo só em uma foto, somente duas delas e precisaria de lupa para enxergá- las.  Eram muito rápidas no vôo. Fico extasiada diante da beleza da vida e desse tempero que agarrou-se ao tronco sem vida e lá permance cumprindo a sua missão!

"A vida é bela! Abra os olhos!
"A vida é verdade, mantenha-se verdadeiro."
"A vida é um eterno soltar...
Só com mãos vazias podemos chegar a algo novo!"
"A vida é um desafio.
Aceita-o!"
         Tem boldo, ali também, quase sufocado pela exuberância do tempero, mas...

" Sua vida tem um propósito.
procure alcançá-lo."
"A vida é esperança.
               Nunca desista!"  



Enfim há perfume naquele local também! 

"A vida é amor.
Viva de forma honesta  e profunda!"  

"A vida é esperança.
Nunca desista!"

A vida é fé.
               Nunca a perca!"     

"A vida é um presente.
Seja grato a ela!"

"A vida é um caminho.
        Siga em frente!"    

É isso! Siga seu caminho com muito amor , com muita fé e perfumando suas amizades, como eu faço agora. Sinta-se borrifada (o) pelo perfume da minha amizade!

PAZ E BEM!!!      
(Frases sobre a vida, sem autoria) 

sábado, setembro 10, 2011

TERNURA

Não sei não, mas olhando para esse beija-flor descubro que ele é Deus e para louvá-lo, e também para agradecer a autora, posto somente esse parágrafo que compõe uma linda  prece  de  Ana Jácomo (Maria Luiza) 


"Que Deus ouça as preces que lhe dirijo quando estou mansidão e ternura. Quando estou contemplação e respeito. Quando as palavras fluem, sem esforço algum, sem ensaio algum, articuladas e belas, do lugar em mim onde eu e ele nos encontramos e brincamos de roda. Quando nelas incluo as pessoas que têm nome e aquelas que desconheço existirem. E os meus amores. E os meus desafetos. E os bichos. E as plantas. E os mares. E as estrelas."

Fotos: Bing Imagens

Fim de semana rico em bênçãos!


sexta-feira, setembro 09, 2011

O VALOR DO MINUTO



Mudança de Vida.

A vida muda em um minuto apenas.

Em um minuto apenas DEUS providencia o socorro.

Pode ser um coração atento, uma mão amiga, um pedaço de papel impresso caído na calçada.

Papel que o vento não o levou para longe.

Um minuto apenas e o amor volta e a esperança renasce.

Um minuto apenas e o sol rompe as nuvens clareando tudo.



Não se desespere, espere, o socorro chega.

Um minuto apenas...

O panorama se modifica. A vida refloresce.

Tenha paciência, não se entregue à desesperança. Aguarde.

Enquanto você sofre DEUS providencia o auxílio.

Aguarde, um minuto apenas, sessenta segundos.

Uma vida. Um minuto a mais.


Em um minuto apenas, a misericórdia divina se derrama cheia de bênçãos nas vielas escuras dos passos humanos, 
corrige, saneia, repara transformando-as em estradas luminosas no rumo da vida maior.



Que sua estrada seja sempre e muito luminosa!

Fotos: Bing Images 
Texto: Recebido da linda Maria Angélica Vaz

quarta-feira, setembro 07, 2011

SEMPRE NO MEU CORAÇÃO - II

FEITO POR MIM

Arames e toquinhos de madeira, deixados pelo pedreiro, resultaram nesse coração que fiz para  a parede lateral da casa, cujo  corredor ficam as janelas do meu quarto e da Raïssa. Ninguém transita por ele, a não ser eu e as minhas cachorras. Eu já havia dado uma revitalizada nesse corredor colocando vasos e grades para decorar o muro e pendurar vasos. Agora senti grande necessidade de colocar nessa parede  uma cruz, mostrando minha fé e pedindo bênçãos e proteção. O arame foi encapado com tiras de retalhos. Os lacinhos são cadarços de tênis. Coloco também galhinhos da minha dama da noite que agora tem as frutinhas vermelhas. E duram bastante lá! Quando tiver flores colocarei as flores. Que delícia fazê-lo. Eu adorei!

Esse também é de um pedaço pequeno de arame,  encapei com uma hera, diretamente .
Gostei muito também.



E com outro pedaço, mais esse para a minha arquinha.





Na estante de livros esse:



Sempre fui fascinada por corações, estrelinhas, borboletas, passarinhos e outros inhos, quando na ativa, e tudo que fazia enfeitava com esses símbolos. Ao assinar um caderno de aluno corrigido, meu M era um coração.

Este foi parar no espelho do corredor.


O tecido é rústico e desfiava demais.
Talvez eu o refaça, pedindo para alguém costurá-lo à máquina.

Um ferido feliz! Beijos!

sábado, setembro 03, 2011

CAFÉ AMARGO



Algumas vezes o café está amargo.






Então, depois da careta, olhamos o fundo da xícara....
Era o açúcar… Estava lá, bem no fundo... É preciso mexer!
Assim é nossa vida…
Quando sentimos um gosto amargo é preciso observar, ir bem fundo, mexer com o que tá parado... 
Às vezes falta coragem e ficamos apenas fazendo caretas....Mexa as coisas boas que há dentro de você.Torne a sua vida tão deliciosa quanto as melhores delícias que já provou!Que vc tenha um fim de semana abençoado!

Fotos: da Net