quinta-feira, setembro 20, 2012

MUDEI DE LUGAR

Sim! Mas foram só algumas teteias que eu gosto muito. 

A ovelhinha velhinha
Que na varanda morava
Saúda agora você
Na porta de entrada



A galinha saiu da cozinha, 
Foi parar no corredor 
Agora ganhou uma plantinha
E exibida ficou! 



A vaquinha  Tró-ló-ló
Carrega uma pimenta. 
Mudou para o corredor
Ela não é um amor? 



Com dó de jogar fora
 A cesta ,que o fundo  quebrou 
Agora virou moldura 
E o vasinho adorou!


A orquídea que abrindo está 
Eu ofereço a você
Saiu lá do corredor 
E na varanda  ficou





Muitos beijos e abraços 
Eu também lhe ofereço
Meus versinhos com amor
Espero que não se aborreça!


17 comentários:

Paulo Francisco disse...

Ah, Maria Luiza ficou tudo lindo. O poema um encanto
Gosto de tua alma
Alma limpa e linda.
Um beijo grande

Luma Rosa disse...

Adoro essa movimentação de "energia". Lembro de onde ficava a orquídea, mas não lembro do restante! Gostei de como reutilizou a cesta :) Obrigada pelos versos sempre tão sinceros!! Beijus,

Lucinha disse...

Maria Luiza,

Que ovelhinha mais simpática e fofa já dando boas vindas para quem chega. A galinha ficou muito metida com essa plantinha. E a vaquinha carregando pimenta ficou muito engraçado.

O Cesto quebrado virou uma linda moldura pra plantinha. O vasinho é lindo também e se destacou ainda mais.

Amei o versinho!
Suas coisinhas são muito fofas.

Beijos

Regina disse...

Oi Maria Luiza querida, tudo bem?

Adorei todos os mimos,e as mudanças

as vezes são necessárias, né? Além de mudar o ambiente, enfeitam outros cantinhos.

Obrigada por nos ofertar esta linda orquídea.

um beijo carinhoso

Regina Célia

✿ chica disse...

Adorei as mudanças e os versinhos e a moldura da cesta, um luxo!! beijos,tudo de bom, lindo dia, aqui frio, vento,mas sol! E feriado! chica

Marili Alves disse...

ai que coisa mais linda, tão puro...gosto disso, gosto de passar por esse cantinho.
Paz e bem!!

Maysa disse...

que ser humano iluminado vc é ,
forte abraço
elisa

Beth/Lilás disse...

Mas como se aborrecer com tanta gentileza e carinho!
Eu já peguei a linda orquídea pra mim, adoro essa cor!
Gosto de ver o reaproveitamento que faz de tudo em sua casa e ainda por cima ficam com cara de novidade.
beijinhos cariocas


Eva Sabbado disse...

Que delicadeza, amei tudinho e com esse amor, vc trata o que a vida te presenteia, meus parabéns amiga, adorei o versinho mostra a felicidade que embala uma mudança por pequenina que seja é muito bom mesmo, bjos minha querida amiga, um dia lindo prá vc na casa nova,sim sempre renova um toque da gente.

Ivani disse...

Oi minha querida Maria Luiza.
nem sei o que dizer desses versinhos tão simpáticos e alegres, e às vezes até infantis, dando aquele sabor mágico, de criança.
adorei cada um, cada foto, voce arrasou!
amei também seu comentário lá no samambaia, e agradeço seu carinho.
vamos carregando nossas saudades com alegria e leveza, como voce disse, afinal, não há como voltar.
beijos minha amiga, fique bem!

Brechique da Dodoca disse...

Oi, Maria Luiza!
Quem vai se chatear com delicadeza? Só maluco e grosseirão!
Adorei, os adornos, os versos e, principalmente a delicadeza e o carinho!
Bjssssssssssss, quérida!

Ailime disse...

Maria Luiza,

Mas que coisas lindas, lindas
Que com tanta dedicação
Vai criando e recriando
Em sublime imaginação.

Nesse distinto versejar
Tudo fica iluminado
Num brilho de encantar
De um coração dedicado.

E daqui deste cantinho
Envio-lhe um grande beijo
Neste dia de poesia
Tudo de bom lhe desejo.

Maria Luiza, neste meu fim de tarde (já noite – aqui quase Outono) achei tanta graça ao seu comentário no meu canto, que me lembrei de seguir o tom. Desculpe os versos um pouco à pressa.
Um grande abraço e grata por me fazer sorrir.

fatti___ disse...

mas como minha amiga é poetiza um dom que nem sabia hein?!

amei seus versinhos Maria muito meigo de sua parte e rimou muito bem ficou lindo tb seus adornos pela casinha.

um bju minha querida!

Catia Bosso disse...

Ah que doçura de poesia.... que bom voltar aqui... eu estava ausente do blog, da vida, enfim... mas voltei e espero poder sempre ler-te. Fiquei mesmo muito 'inflada', como você disse, com a homenagem do Paulo. Grata

bjssss meussss

Catita

SOL da Esteva disse...

Os teus lindos versos adornam as tuas obras de arte e dão-lhe um cunho mais terno, mais pessoal.
Boas ideias de transformação dos ligares.

Beijos


SOL

Elza Carrara disse...

Maria Luiza, adorei o post em forma de versos, ficou lindo :)
Assim como os detalhes da sua casinha, cheios de carinho. Parabéns!!!
Bjs

Valéria disse...

Oi Maria Luiza!
Gosto muito destas mudanças que dão nova vida e trazem novas energias. Lindos e singelos seus versinhos, muita gentileza sua nos mostrar tudo de maneira tão bonitinha.
Beijinhos e um fds abençoado!