quarta-feira, maio 07, 2014

Saudades, muitas!!!

Brincando com a Chica n.8


A palavra selecionada pela  CHICA  fez-me voltar
 ao  fogão de minha infância na casa de minha avó!

Minha frase é: Saudades da fartura do fogão de outrora!
E outra: Fogão que funciona, traz alegria ao lar.


Esse fogão era muito parecido com o que tínhamos. 
Lembro-me muito bem. À direita, havia  esse cordão cheio de linguiças, cudeguim e chouriços pendurados que iam defumando com a fumaça.
Produtos puros, feitos com maestria e carinho.
As panelas grandes sempre cheias de arroz, feijão, macarrão aos domingos, do mais puro requeijão, ou bacalhau com batatas, polenta como café da manhã ou com natas e cebolinha, fatias suculentas de  queijo frito, tostadinho por fora e cremosinho por dentro; frangos reais, refogadinhos, torresminhos! Tudo sem frescuras, tudo simples, mas bem temperadinho. Cresci com muita fartura de coisas boas, puras, honestas e simples. Cresci observando tudo e como eu amava aquilo tudo!
Hoje li uma frase de Saramago que veio a calhar:

" O mito do paraíso perdido é o da infância - não há outro."
E digo mais:

 Valeu a pena a Vida pela infância vivida.

Vem cá, AQUI tem mais brincadeiras com Chica

Beijos e abraços meus!

21 comentários:

CamomilaRosaeAlecrim disse...

Boa tarde Maria Luiza! E que tema maravilhoso este da brincadeira da Chica!
O fogão a lenha me traz muitas recordações em família e adorei o texto e a foto, parabéns!
Gostaria de ter aqui em casa um fogão desses para aquecer no inverno!
Beijos!!!
CamomilaRosa

Luciene Tenorio Nunes disse...

Oi Maria Luiza,
Realmente o fogão à lenha funciona que é uma maravilha, aquece a casa e coração da família.
Bjs.

pensandoemfamilia disse...

Tivemos a mesma direção. òtima participação. bjs

Mundo da Carolina disse...

As duas frases estão bem feitas!! Eu essa primeira tambem a podia ter construido,pois tambem sinto saudades da comida da minha avó paterna,ela agora está no lar,fui hoje visitar ela,ela está triste porque era muito apegada a mim e ao outro neto dela que não vivia connosco mas era como se fosse meu irmão. Mesmo assim,achei ela bem disposta,embora com muitas dores,mas penso que as dores já não são para passar,ela está com 75anos!! Beijinhos e bom resto de semana para ti!! Obrigada pelo teu comentario no meu blogue na brincadeira da chica com a palavra fogão,fiquei satisfeita que tivesses gostado. mundomusicaldacarolina.blogspot.pt

Pepa disse...

Oi Maria Luiza, é a Vi, eu só usufruía desse fogão quando visitava alguns parentes no interior.
Concordo com você, o melhor da vida é a infância.
Muitos beijos,Vi

Tetê disse...

Maria Luiza, eu li fogão e o à lenha veio direto à minha mente! Eu nunca tive um, mas nas minhas andanças por MG tive oportunidade de sentar para prosear ao redor dele! Suas frases estão divinas! Bjks Tetê

✿ chica disse...

Que lindo!!Adorei tuas frases, te ler...Tudo bem legal! Obrigadão por brincar e um beijo! tuuuuuuuuuuuuuudo de bom,chica

Anne Lieri disse...

Luiza,que linda sua frase e adorei conhecer um pouco mais de sua infancia!Esse fogão da Chica está rendendo boas histórias! Pode fazer meu post na segunda, se quiser, viu? bjs,

Majoli disse...

Lindeza de frases.
Lindeza de puras recordações.
Sabe minha querida Maria Luiza, também eu vivi uma infância feito a tua e bateu uma saudade de comer chouriço (ADORO) e sentir o calor da lenha queimando no fogão...
Deliciosamente deliciosa a sua postagem de hoje.
E viva o desafio do fogão que a Chica nos propôs.

Beijos com muito carinho.

Ailime disse...

Boa noite Maria Luiza,adorei as suas frases e ambas me dizem muito!
A foto é maravilhosa!
Os enchidos pendurados a defumar e as comidinhas de que fala imagino como seriam bem saborosas!
E depois a frase de Saramago que não conhecia completa o quadro!
O meu paraíso e que Deus me perdoe aconteceu também na minha infância, pelo menos preparou-me emocionalmente para viver o que viria seguir;))! Muitos beijinhos e muito obrigada! Ailime

Sonia Tolfo disse...

Adorei as frases e a foto, voltei no tempo e, os salames pendurados, cheiro da casa do meu avô!
Abraço!
Sonia

Sonia Tolfo disse...

Adorei as frases e a foto, voltei no tempo e, os salames pendurados, cheiro da casa do meu avô!
Abraço!
Sonia

Sonia Tolfo disse...

Despertou-me a saudade da casa dos meus avós, o salame pendurado, o cheirinho da lenha queimando, muito bom!
Abraço!
Sonia

Pepi,Xixo,Juja,Jujuba disse...

Adorei a sua frase, Maria Luísa
A comida fica mesmo com outro sabor, né?
Um beijinho carinhoso de boa noite para tí
Verena e Bichinhos

Antonio Reis disse...

Ah, como gostei de ver este fogão coberto da linguiça de lombo, que delicia saudosa.
Bela e deliciosa participação amiga.
Um abração.

Yves disse...

Adorei tuas frases Maria Luiza...as duas são ótimas!
Viajei junto com as tuas recordações, deve ter sido uma infância maravilhosa!
Boa noite amiga
bjus!

✿ chica disse...

Voltei pra te contar que hoje almoçamos e jantamos comidas ao lado de fogões assim.Ótima comidinha! bjsm,chica

Kunti/Elza Ghetti Zerbatto disse...

Adorei ler sua participação e recordações Maria Luiza!
Que época mágica!
abração com carinho

Anete disse...

Frases muito boas e "saborosas", Maria Luiza!
Como é bom lembrar das belas coisas da infância... Vale a pena!
Beijos c abraços...

Roselia Bezerra disse...

Olá, querida Luíza
Só faltou o bacalhau inteiro estirado perto da linguiça... era tão barato e nunca faltava nos lares...
Post belíssimo e feliz Dia das Mães pra Vc, amiga!!!
Seja muito abençoada e feliz!!!
Bjm fraterno de paz e bem

Zui Galvão disse...

Olá, Maria Luíza
Que bom ainda ter um fogão de lenha!
Meus pais tinham em nossa casa de taipa em Itamaracá. Mas, depois derrubou a casa e o fogão de barro para construir a casa de alvenaria.
Feliz Dia das Mães!