terça-feira, julho 12, 2016

Botando a cabeça pra funcionar nº 13


Eu nunca vi um deserto, de fato, mas ele me comove.
Eu o acho lindo, ondulante, tórrido, eu sei,
 traiçoeiro até, mas me comove.
Mesmo que nele ainda haja as terríveis
 tempestades de areia, ele me comove
Já, os desertos da vida, somos todos nós e sós
 a peregrinar por ele.
Alguns se perdem, se desviam da rota,
 outros, procastinados esperam, esperam
e há aqueles  só buscam o oásis 
para nele ficarem "ad aeternum".
Cada um sabe de seu deserto.
Sempre há verdades ocultas 
que nos ajudam a superá-lo e 
atravessá-lo com destemor!



Como veem, a brincadeira chegou mais cedo
 e participo desejando desde já, merecidas e abençoadas
 férias à Chica e ao Neno, idealizadores
dessa brincadeira feliz!
Clique AQUI, participe e festeja 
com cada um dos participantes!
Até 05/08!

14 comentários:

✿ chica disse...

Maravilha de inspiração, Maria Luiza! Tens razão, cada um tem o seu deserto na vida e cada um é eu sabe onde e como pode encontrar o "oásis" que lhe cabe! ADOREI! beijos, obrigadão! Levei teu link! INTÉ!! chica

lenalima disse...

Que maravilha Maria Luiza, muito lindo de se ler, é como a vida!

bom dia amada bj

Hilda's Bordados disse...

⊱✿.*☆*.¸✽ ¸.*♡*.✿⊰✽⊱✿.*☆*.¸✽¸.*♡*.✿⊰✽ ⊱✿.*☆*.¸✽¸.*♡*.✿⊰
Olá Maria Luiza!! Lindo texto !
Vim bordar um recadinho para divulgar o 1º curso de pano de prato presencial feito por Hilda's Bordados e que é inteiramente gratuito! Uma oportunidade para quem mora em Belo Horizonte e precisa melhorar a renda ou mesmo ter um hobbie ou aprender algo novo! Se souber de alguém por aqui pode indicar que estarei a inteira disposição para tirar qualquer dúvida e fazer o melhor curso!
Muito sucesso e que Deus abençoe você e sua família!
https://hildasbordados.blogspot.com.br/
https://www.youtube.com/channel/UCBptH8iCKWtTUr0Mx2fdcTQ
⊱✿.*☆*.¸✽ ¸.*♡*.✿⊰✽⊱✿.*☆*.¸✽¸.*♡*.✿⊰✽ ⊱✿.*☆*.¸✽¸.*♡*.✿⊰

Anete disse...

Uma boa participação!
Inspirou-se no deserto lindamente, Maria Luiza.
Um abraço

Ana Bailune disse...

Reflexivo.
Os piores desertos, os mais áridos e difíceis de se atravessar, estão dentro da gente.

Roselia Bezerra disse...

Boa Tardinha, querida amiga Luíza!
Que participação mais forte e bonita! Vi profundidade em cada palavra como lhe é peculiar!
Bjm muito fraterno

emanuel moura disse...

Bela participação ,muitos beijinhos no coração.

Ailime disse...

Boa noite minha querida Amiga,
Como anda tão inspirada nos seus escritos!
Adorei a sua dissertação sobre o deserto. Ainda tenciono, se Deus quiser, pisar o deserto no Norte de Africa. Deve ser uma sensação maravilhosa.
Um beijinho.
Ailime

Bell disse...

Gostei.

Eu adoraria ver um deserto de perto, acho lindo, mistério e introspectivo.

bjokas =)

Toninho disse...

Bonita e profunda leitura Luíza.
Somos mesmo e atravessá-lo não é nada fácil.
Há que crer no oásis à frente e que possa
restaurar as forças para ousar seguir.
Muito bonito.
Bjs de paz.

Pepi,Xixo,Juja,Jujuba disse...

Linda e reflexiva leitura da imagem, Maria Luiza querida.
É preciso atravessar os nossos "desertos"na esperança de encontrar um "oásis"
Tenha um ótimo dia.
Mil beijinhos de
Verena e Bichinhos.

Simone Felic disse...

Olá Carmen, Lindas palavras para um ambiente hostil como
deserto, sempre há a esperança de encontrar o oásis.
bjs

http://eueminhasplantinhas.blogspot.com.br/

Betty Gaeta disse...

Oi Maria Luiza,
Adorei a participação. Deserto sempre me lembra oásis, acho que sou muito esperançosa.
Bjs
gosto-disto

Celina Pereira disse...

Boa tarde, Maria Luíza.
Disse bem: cada um deve atravessar seus desertos.
Que seja com sabedoria!
Boa tarde de sábado!