quinta-feira, fevereiro 15, 2018

Chica Brinca de Poesia nº 3


Bichinhos que pulam, que saltam, deles  saía correndo...
Bonitos ou feios, peludos ou lisos, coloridos ou apagados,
gelados ou gosmentos então... me arrepiavam.
O nojo, a repulsa me possuiam por inteiro, mas
bastou aos poucos como 
"água mole em pedra dura tanto bate até que fura" 
a compreensão da universalidade, do macro do todo
 para iniciar  a compreensão de que tudo que aqui existe, 
não existe  em vão.
 Nada se criou como uma brincadeirinha nos intervalos da Criação.
 Cada ser carrega  uma respeitável função, uma razão de ser, de existir.
Hoje já não saio correndo, já não destruo uma lesma, já  dos peçonhentos... acuda-me Senhor!


Minha impressão aqui está!
E a sua?
Venha participar e prestigiar essa brincadeira
 tão legal que CHICA e seu neto Neno criaram!
Beijos a todos, com muito afeto!

12 comentários:

✿ chica disse...

Marai Luiza,eu gosto muito da natureza, mas ainda me assusto...Mesmo assim não faço nada de mal.. Claro, não falo de uma barata ou coisas assim...Essas eu sumiria do mundo todas,rs... Obrigadão! Adorei te ler! levei o link! bjs, chica

Patricia Merella disse...

Olá Maria Luíza! Como sempre uma excelente participação. Eu também penso que cada ser vivo criado no universo,tem lá sua funcao,beijinhos

Ailime disse...

Boa tarde Maria Luiza,
Magnífica a sua inspiração!
Eu sempre fugi destes bichinhos (nem posso sequer olhar) e ainda hoje se vir algum corro.
Reconheço que todos eles são úteis na natureza.
Beijinhos e uma boa tarde.
Ailime

Anete disse...

Uma participação muito legal e expressando os seus sentimentos. Inspirou-se lindamente.
Um abraço

Roselia Bezerra disse...

Olá, querida amiga Luíza!
Os peçonhentos são horripilantes... Deus nos acuda! rs...
Gostei da sua contextualização do tema... muito atual, parabéns!
Seja muito feliz e abençoada junto aos seus amados!
Bjm de paz e bem

Christiane Garcia disse...

Seu post está muito bem elaborado. Também tenho medo...rssr...
Mas como diz sua linda reflexão merecem nosso respeito. Um grande beijo

francisco júnior disse...

Divulgue aqui seu blog https://www.waaap.net

Ailime disse...

Boa tarde Maria Luiza,
Magnífica inspiração!
Também concordo que Deus nada fez por acaso e todos os bichinhos têm a sua função.
Mas alguns são mesmo de arrepiar;))!!
Beijinhos e óptimo fim de semana.
Ailime

Os olhares da Gracinha! disse...

A imagem confunde-nos o olhar mas a sua inspiração separou o real e a poesia clarificou e agradou!!!bj

Alegria de Viver disse...

Maria Luiza,tenho muito medo desses bichos, mas, como dizia São Francisco , todos os animais vivente na da terra são nossos irmãos, mas cada um dos peçonenhtos longe dos meus olhos.
Excelente sua participação.
Desejo um abençoado domingo.

Bjs no coração!

Celina Pereira disse...

Boa noite, Maria Luíza.
Muito bom.
Aos poucos fui me acostumando também com esses bichinhos
quando morei numa chácara, mas com alguns ainda me assusto.
E, como disse, de alguns répteis venenosos tenho pavor
e peço a Deus que fique longe deles. Até no zoo, prefiro
não visitá-los.

Boa nova semana!

Toninho disse...

Olá Luíza.
Na verdade eu também vivo destes pavores dos peçonhentos
Mas este envolvimento -e fantástico no quebrar
Meu abraço e bom domngo para vocÇe.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...