segunda-feira, março 05, 2018

Botando a Cabeça Pra Funcionar nº 5


 A tal da claridade...
bem na hora de cozinhar
invade minha cozinha
 e quase não consigo lá ficar

Na pia a picar, picar e lavar
meus olhos socorro pedem
pois o sol forte está
a doê-los sem parar

Corro ao lado  pro balcão 
tentando os olhos acalmar
e é um  tal de ir e vir
do balcão pra pia
de não acabar mais!

Não digo uma persiana,
 nela instalar, 
mas sonho com uma cortininha
para nela colocar.

Vem verão, vai verão
e essa ladainha não acaba não
tome vergonha, 
põe logo a tal cortina
e acabe com a aflição.


 Fica assim a minha interpretação 
da foto sugerida pela Chica! 
Persianas aliviam a claridade, nos livram do sol,
dos ventos, asseguram nossa privacidade.
No meu caso, claridade.
 Solução genial!




Participe!
Linda semana!
Beijos!!!

14 comentários:

✿ chica disse...

Maria Luiza, gostei de tua inspiração bem no teu dia a dia! è mesmo assim...Precisamos aliviar nossos olhos...A claridade nos atinge fundo... Não gosto de escuridão, mas preciso uma proteção em certas horas do dia ,dependendo da estação. Tomara faças tua cortininha pra acabar essa aflição,rs...beijos, tudo de bom! Obrigadão! levei teu link! chica

Betty Gaeta disse...

Oi Maria Luiza,
Adorei. Aqui em casa a tal claridade é pela manhã e para fazer café tenho que colocar óculos escuros. rsrsrs
Bjs

Roselia Bezerra disse...

Olá , querida amiga Luíza !
Maravilhosas participação!
Poesia singela e que adornou a vida doméstica com alegria .
Seja muito feliz e abençoada junto aos seus amados!
Bjm de paz e ben

Pepi,Xixo,Juja,Jujuba disse...

Bom dia, Maria Luiza
Ficou muito meiga a sua leitura da imagem.
Tomara consigas logo colocar a sua cortininha.
A claridade e o calor incomodam mesmo.
Beijinhos, querida.
Linda semana.
Verena e Bichinhos.

Anete disse...

Ficou superótima a sua participação! Uma cortina já traz um grande alívio nesse caso...
Uma boa semana. Bj

Ailime disse...

Boa tarde Maria Luiza,
Também não me dou com muita claridade!
Logo pela manhã o sol entra bem na cozinha, mas tenho sempre a cortina corrida!
Tomara que coloque logo, logo a sua cortininha.rsrs
Excelente participação.
Beijinhos e boa semana.
Ailime

pensandoemfamilia disse...

A poesia cotidiana marcou sua bela inspiração. Que a cortina chegue rápido, rs,rs,. bjs

Toninho disse...

Fantástico Luíza, com claridade que cega uma inspiração maravilhosa, inclusive com um toque de humor e critica no comodismo. Gostei de sua leitura da imagem dentro da sua realidade.
Carinhoso abraço.

xunandinha disse...

Olá Maria Luisa adorei sua participação, beijinhos

Alegria de Viver disse...

Olá Maria Luiza, a claridade me incomoda todas as horas devido o olho claro, se eu pudesse teria uma cortina nos olhos. Sua inspiração ficou maravilhosa.
Tenha uma tarde azul cheinha de paz.

Bjss!

xunandinha disse...

Maria Luiza estore é o que se vê a tapar os vidros estes são do lado de dentro mas também existem por fora são um pouco mais resistentes

silvioafonso disse...

Defendeste com rimas e versos
a tese que a ti impuseram.
Adorei, para não dizer algo
melhor.
Fazer da obrigação um diverti-
mento, só tu, minha doce e
querida (já)amiga M.Luiza, pa-
ra distribuir flores aos que
impunham armas.

Beijos e, ainda sigo o teu blog.
Será que segues o meu?


silvioafonso



.

piteis da dinha disse...

Oi Maria, bt!
Empatamos amiga, na parte da manhã o sol entra na minha cozinha sem pedir licença. Tive que colocar uma cortina pq muitas vezes já fiquei com uma perna mais queimada que a outra, tipo praia quando a gente deita de lado, sabe como né? kkkkkkk
Moro no RJ e o sol aqui castiga mesmo!
Bjsssssssss amiga e feliz Dia da Mulher

silvioafonso disse...

Parabéns pelo dia de
hoje, amiga.

Beijos,

silvioafonso



,

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...